lipoaspiração


OK.png

A lipoaspiração é o procedimento cirúrgico indicado para eliminar a gordura geneticamente localizada em regiões específicas do corpo, que não é eliminada com dietas, exercícios físicos ou massagens. É indicada para pacientes que possuem boa elasticidade da pele e consistência adequada de tecido celular subcutâneo. Geralmente é realizada em pacientes acima de 16 anos. A lipoaspiração tem como objetivo melhorar o contorno corporal, porém, é importante lembrar que a lipoaspiração não deve ser confundida com um método de emagrecimento. A lipoaspiração inicia se com microincisões na pele, geralmente em locais pouco aparentes, próximos as regiões a serem lipoaspiradas. Por essas microincisões são introduzidas cânulas finas, conectadas a um aparelho especial, o microaire, que faz com que as mesmas vibrem, dissolvendo a gordura, e a um aspirador à vácuo, que aspira a gordura já dissolvida.

 A quantidade de gordura a ser extraída depende da necessidade de cada paciente, não ultrapassando o limite de 5% do peso corporal. Se houver a necessidade de remoção de volume maior de gordura, outras etapas cirúrgicas podem ser programadas, a fim de se obter o resultado definitivo.

É um procedimento cirúrgico que pode ser realizado em diversas áreas do corpo, apresentando, porém, melhores resultados nas regiões laterais das coxas (culotes), regiões internas das coxas, região submentoniana (abaixo do queixo), região anterior do abdome e região lateral do abdome (flancos). Uma de suas principais vantagens é praticamente não deixar cicatrizes.

Para evitar a dor, o paciente deve manter repouso relativo nos primeiros 5 dias após a cirurgia. O aparecimento de edema e equimose é comum, e geralmente desaparecem até a 4ª semana, com drenagem linfática e o uso de modelador elástico (cinta), regularmente por 30 dias e em horários alternados após este período, até o 2º mês. A exposição ao sol é permitida após o desaparecimento das equimoses, juntamente com revisão e orientação médica. Normalmente os exercícios físicos são liberados após 30 dias. Os resultados da lipoaspiração começam a ser verificados após 30 dias, quando há regressão considerável do edema. Os resultados definitivos são alcançados após o 3º mês.

A anestesia a ser utilizada depende das regiões a serem lipoaspiradas, podendo variar desde anestesia peridural (mais comum), à anestesia geral. O tempo do procedimento cirúrgico depende das áreas a serem lipoaspiradas, variando normalmente de 2 à 3 horas. Os pontos são removidos geralmente entre o 7º e 15º dia e o período de internação é de 24 horas.